Altamira Tecnologia

  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size


Bússola

E-mail Print PDF
Bússula 3D 
 
E um sistema de navegação hoje é baseado em um chip que possui internamente uma ponte (Figura 2) resistiva composta de um material o qual sofre o efeito de Anisotropico Magneto-resistivo (AMR) o qual ocorre em materiais ferrosos. Neste elemento resistivo ocorre uma mudança na sua impedância quando um campo magnético é aplicado perpendicular ao fluxo atual em uma fina tira de material ferroso (Figura 1). 

 

O componente tem sensibilidade suficiente para perceber o campo magnético do planeta sem sofrer influencia de metais próximos a ele.
Baseado no principio de funcionamento deste componente o módulo digitaliza e processa a informação de cada eixo e envia um resultado contendo a posição física do módulo em relação ao Norte verdadeiro do planeta. Esta arquitetura de bússola aliada a um inclinometro e um GPS equipa sistemas de navegação em aviões e embarcações marítimas, subaquáticas, veículo terrestre e etc. no mundo todo.

O campo magnético da terra é aproximadamente 0.6 gauss em um ambiente ao ar livre, e tem uma direção do sul magnético para o norte magnético. No equador, a direção de campo magnética é completamente um vetor horizontal, mas se você rodear mais adiante nos hemisférios do norte ou sul o campo magnético apontará parcialmente para baixo (hemisfério do norte) ou acima (hemisfério sul). Este ângulo para baixo ou para acima da superfície da terra é chamada de inclinação.

Uma bússola de dois eixos magnéticos pode medir os componentes de vetor horizontais do campo magnético da terra, usando dois elementos de sensor no plano horizontal, montados de forma ortogonal entre um e outro. Chamado sensor X e Y, cada sensor montado na bússola eletrônica mede o campo magnético em seu eixo e o arco Y/X tangente provê a bússola com respeito ao eixo X. Uma bússola de dois eixos pode permanecer precisa contanto que os sensores permaneçam horizontais ou em posição ortogonal ao vetor gravitacional (descendente). Em aplicações de plataforma é conveniente usar duas bússolas onde seu eixo é mecanicamente "fixado" para permanecer plano e preciso.

Já uma bússola com três eixos magnéticos contêm sensores magnéticos em todos os três vetores ortogonais, nesta montagem a bússola eletrônica capturar os componentes horizontais, verticais do campo magnético da terra e o seu campo gravitacional. Para eletronicamente equilibrar a bússola, os dois sensores magnéticos são complementados e este terceiro elemento que mede a direção gravitacional da terra formando um sensor de inclinação. Este sensor de inclinação provê informação para compensar e equilibrar os dois outros eixos X e Y montados na bússola. Não importando assim a posição que o veículo possa estar.