Altamira Tecnologia

  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size


MEDIÇÃO DE DESLOCAMENTOS VERTICAIS

E-mail Print PDF

MEDIÇÃO DE DESLOCAMENTOS VERTICAIS

 

Podemos destacar algumas técnicas para medição de deslocamento vertical:

  1. - Medidor Magnético de recalque (MMR)
  2. - Medidor de recalque tipo KM
  3. - Medidor de recalque Telescópico
  4. - Medidor hidrostático de recalques (caixa sueca)

Sensor de pressão em placa de assentamento.

Nesta aplicação utilizaremos uma variação destas técnicas através de um circuito hidrostático fechado, onde podemos medir a pressão de coluna d´água entre um ponto fixo e o ponto de sedimentação que queremos detectar o movimento vertical. Observe que neste sistema o sensor de pressão sempre ira medir a coluna d´água proporcional com a altura diferente sempre que a placa de assentamento se mover pois ao mesmo tempo em que a água desce o ar neste circuito sobe e vice-versa.

O Sistema utiliza um transdutor de pressão ligado a uma placa de assentamento localizado no terreno de sedimentação. O sensor está ligado a esta placa e através de dois tubos cheios de fluido que se prolonga lateralmente, para um reservatório localizado em terra firme para longe da área de movimento previsto. A pressão ou peso do fluido no interior dos tubos é detectado pelo transdutor, que fornece uma medida da diferença de elevação entre o sensor e o reservatório. Os tubos formam entre transdutor e o reservatório um circuito fechado que não é influenciado pela pressão barométrica.

O sistema padrão é preenchido com água e uma solução anti-congelante podendo ser acrescentando de produtos químicos adicionados para evitar o crescimento de algas . O sistema é "fechado" onde um sensor de pressão absoluta está ligada. Uma câmara dessecante pode ser usada para impedir a entrada de umidade na linha do reservatório.

Esta disposição assegura que as leituras do sensor não são influenciadas por variações de temperatura no interior do reservatório , ou por variações na pressão barométrica.

Módulo de leitura contínua (on-line)

A implementação do sistema utiliza um módulo microprocessado com um sensor absoluto de pressão WebServidor capaz de disponibilizar de forma contínua suas informações e permitir sua configuração através de um protocolo TCP/IP o qual permite um acesso através de uma simples página de um navegador qualquer, fabricado em alojamento metálico garante sua estabilidade e integridade nas aplicações requeridas.

Montagem

São duas possíveis montagens, do módulo sensor, de forma vertical ou horizontal. Em ambas a montagem é feita sobre uma chapar de ferro ou painel de 50cm x 50cm x 10mm, sua tubulação e cabo de comunicação devem ficar protegidas em um mangote flexível até um conduite metálico rígido que deverá se estender, de forma horizontal, até o gabinete instalado em local estável, este cabo de alimentação transporta tanto a comunicação quanto a alimentação.

Painel de Medição + Conjunto Solar.

A unidade instalada em local fixo deverá conter o reservatório e um filtro para remover a umidade do circuito montada em um gabinete metálica. Este gabinete conterá também uma unidade de roteamento switch e um módulo Wifi. Um pequeno conjunto de alimentação solar composto de painel, regulador e bateria completa a unidade e permite sua autonomia de funcionamento.

 

 

Datalogger

O recurso interno de Datalogger da unidade do sensor de pressão permite armazenar os dados que podem ser acessados remotamente através do sistema através de sua página em qualquer lugar desta rede ethernet ou pelo internet.